Balanço Patrimonial: Você sabe o que é?

De uma forma básica e pouco aprofundada para facilitar o entendimento, elaboramos o material abaixo para esclarecer algumas questões relativas ao Balanço Patrimonial.

Para começarmos a introduzir o seu conceito, precisamos entender, primeiramente, o que é o Patrimônio.

O QUE É O PATRIMÔNIO?

O Patrimônio é o objeto de estudo das Ciências Contábeis e pode ser entendido como um conjunto de bens, direitos e obrigações. No quesito empresarial, é importante destacar que o Patrimônio da empresa nunca se confunde com o Patrimônio dos sócios.

O QUE É O BALANÇO PATRIMONIAL?

O Balanço Patrimonial é um demonstrativo contábil que evidencia tudo que a empresa tem (Dinheiro, contas a receber, imóveis, entre outros) e tudo que a empresa deve (contas e obrigações a pagar). Após, considerando o que ela tem (Bens e direitos) e o que ela deve (Obrigações), chegamos ao Patrimônio Líquido, que é representado pela equação Bens e Direitos (-) Obrigações = Patrimônio Líquido.

COMO O BALANÇO PATRIMONIAL É ESTRUTURADO?

Em conceito, como visto acima, o Balanço Patrimonial é relativamente simples. O que pode "assustar" o seu leitor são os termos utilizados em sua estrutura. Para esclarecê-los, listamos abaixo os principais:

ATIVO

O Ativo representa os Bens e os Direitos e é subdividido entre Ativos Circulantes e Ativos Não Circulantes. Essa subdivisão é baseada na liquidez dos seus itens. Ou seja, Quanto mais fácil e rápido for converter o ativo em dinheiro, mais líquido ele será. Os Ativos Circulantes são aqueles que oferecem maior liquidez (Que podem ser liquidados até o final do exercício seguinte) e os Não Circulantes oferecem menor liquidez (Que podem ser liquidados após o final do exercício seguinte).

ATIVO Bens e Direitos Informados em Ordem de liquidez
Ativo Circulante Liquidez de até 1 ano
Ativo Não Circulante Liquidez superior a 1 no

PASSIVO

O Passivo representa as Obrigações e também é subdividido entre Passivos Circulantes e Passivos Não Circulantes. O Passivo adota o mesmo critério utilizado no Ativo, sendo que os Passivos Circulantes representam as Obrigações a serem pagas pela empresa em um prazo de até 1 ano e os Passivos Não Circulantes representam as obrigações a serem pagas em um prazo superior a 1 ano.

PASSIVO Obrigações informadas em Ordem de liquidez
Passivo Circulante Liquidez de até 1 ano
Passivo Não Circulante Liquidez superior a 1 no

PATRIMÔNIO LÍQUIDO

O Patrimônio Líquido representará o resultado da equação ATIVO - PASSIVO = PATRIMÔNIO LÍQUIDO. Ele é composto pelo Capital Social da empresa, suas Reservas e os Lucros ou Prejuízos Acumulados, evidenciando o valor Patrimonial da Empresa.

CONCLUSÃO

Como visto acima, o Balanço Patrimonial evidencia uma posição estática de como está o Patrimônio da Entidade. Por si, o balanço já apresenta informações relevantes aos gestores. Entretanto, para extrair informações gerenciais essenciais para as tomadas de decisões, é necessário conhecer profundamente o demonstrativo, os índices aplicáveis, como são feitas as técnicas de mensuração inicial e subsequente, análise conjuntas com outros demonstrativos contábeis e com outros Balanços, análises horizontais e verticais, entre outras.




Opine:

Fluxo Imóveis